Coronavírus

Primeira imunizada contra Covid no DF recebe segunda dose da vacina

Ela é enfermeira no Hospital Regional da Asa Norte, e faz parte do grupo de profissionais de saúde priorizados na primeira fase da vacinação.

A primeira moradora do Distrito Federal a ser vacinada contra a Covid-19, Lídia Rodrigues Dantas, de 31 anos, foi imunizada com a segunda dose da imunização nesta terça-feira (9). Ela é enfermeira no Hospital Regional da Asa Norte (Hran), e faz parte do grupo de profissionais de saúde priorizados na primeira fase da vacinação, por estar na linha de frente contra o novo Coronavírus.

A segunda dose da vacina – que deve ocorrer de 14 a 28 dias após a primeira – começou a ser aplicada no DF na segunda-feira (8) (saiba mais abaixo). O Hospital Regional da Asa Norte (Hran), onde Lídia trabalha, iniciou as aplicações nesta terça.

“Concluí o processo”, suspira Lídia, aliviada. Ela atua no pronto-socorro do Hran desde o início dos primeiros casos de Covid-19 no DF. O hospital atendeu exclusivamente pacientes infectados nos meses mais críticos de contágio na capital.

A profissional conta que não sentiu nenhuma reação à vacina desde a primeira dose. “Super tranquilo. Nem doeu o braço”, afirma a enfermeira.

Mas ela aponta que, até tomar a vacina, houve muita incerteza sobre a segunda aplicação. “A gente ficou um pouco receoso de não conseguir completar o ciclo”, diz.

Lídia conta que continua seguindo as recomendações para evitar o contágio do vírus. Antes da pandemia, ela morava com a mãe, que tem 70 anos. Hoje, mora sozinha, e pretende manter a distância nos próximos meses.

SEGUNDA DOSE NO DF

Além dos profissionais da saúde, idosos e pessoas com deficiência que vivem em abrigos e indígenas também devem receber a segunda dose na capital, por serem os primeiros vacinados.

Pessoas com 79 anos ou mais estão recebendo a primeira dose da Coronavac. A imunização segue um calendário que começou a ser colocado em prática na última sexta-feira (29).

Ao G1, a secretaria informou que quem for tomar a segunda dose da vacina, deve ir ao mesmo local onde recebeu a primeira aplicação. Já os idosos e pessoas com deficiência em abrigos e indígenas receberão as equipes nos locais onde vivem.

Nas redes sociais, a RVS pode ser encontrada no FacebookInstagramTwitter e YouTube. Para enviar uma sugestão ou critica entre em contato pelo nosso WhatsApp (61) 3526-7399.

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Ir Topo