Brasília

Homem de 66 anos morre após cair no Lago Paranoá, em Brasília, durante competição de canoagem

Acidente foi na manhã deste domingo (24) perto do clube Cota Mil. Gilmar Dietrich era de Curitiba e foi resgatado de uma profundidade de, aproximadamente, 14 metros, segundo bombeiros.

Um homem de 66 anos morreu afogado no Lago Paranoá, após cair de um caiaque, na manhã deste domingo (24), durante uma competição de canoagem. Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, Gilmar Dietrich foi resgatado de uma profundidade de, aproximadamente, 14 metros.

O acidente ocorreu perto do clube Cota Mil, pouco depois das 8h. Com a ajuda de um helicóptero, duas lanchas e uma moto aquática, 20 militares – incluindo mergulhadores – participaram do resgate.

A Federação Brasiliense de Canoagem (Febracan) confirmou que Dietrich disputava a prova de caiaque e lamentou a morte. Ele estava no DF para participar do XXIX Campeonato Brasileiro de maratona. As provas deste domingo foram canceladas.

Informações enviadas pelo G1

Segundo testemunhas, Gilmar Dietrich submergiu no lago logo depois que o caiaque em que estava virou. Ele não usava colete salva-vidas.

Por meio de uma técnica conhecida como “arrasto”, onde os mergulhadores são atados a uma corda e puxados, enquanto fazem a varredura debaixo da água, a vítima foi encontrada após cerca de 10 minutos de buscas na água. Gilmar Dietrich foi levado para o cais do clube Cota Mil.

No entanto, após 40 minutos de tentativas de reanimação, a morte do competidor foi constatada.

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Ir Topo